A satisfação e a retenção de clientes é uma preocupação de qualquer gestor. Ter clientes fiéis é fundamental para garantir um bom fluxo de caixa, obter indicações e uma previsibilidade no faturamento. Tudo isso, claro, é muito importante. No entanto, muitos empresários não sabem que qualquer política de retenção deve iniciar da porta para dentro da empresa. Sim, estamos falando dos colaboradores. Reter talentos, engajados e fidelizados, pode gerar diversos benefícios para o seu negócio.

Pensando nisso, no post de hoje, daremos dicas de como reter talentos na empresa. Valorize seu capital humano! Acompanhe:

Mas por que reter talentos é importante?

Antes de irmos para as dicas de fato, é importante retomarmos porque as empresas devem se preocupar em fidelizar seus talentos.

Hoje, organizações de todos os segmentos e portes não competem apenas por clientes, mas pelos melhores talentos. É esse capital humano que, no fim das contas, ajuda a diferenciar sua empresa, a gerar inovação e a agregar valor para sua marca.

Máquinas, equipamentos, estrutura física, métodos de trabalho: tudo isso pode ser rapidamente comoditizado e torna a competição mais homogênea. Agora, com a criatividade e o talento humano é que sua empresa pode sair na frente e se diferenciar substancialmente da concorrência.

Além disso, é importante saber como reter talentos na empresa para evitar queda na produtividade e custos desnecessários. Isso porque um alto turnover (rotatividade de pessoal) prejudica o fluxo dos processos de qualquer empresa, o engajamento das equipes e, claro, gera diversos custos, com novos processos de recrutamento e seleção, treinamento, encargos trabalhistas, etc.

E então, vale ou não vale a pena reter seus talentos?

Checklist: você está medindo a experiência do seu cliente?

6 dicas de como reter talentos na empresa

#1. Crie ações para melhorar o clima organizacional

O primeiro passo de como reter talentos na empresa é entender o que os motiva e o que os desmotiva em sua rotina de trabalho. Para isso, é fundamental aplicar uma pesquisa de clima, com participação anônima.

Assim, seus funcionários poderão ser sinceros, sem receio de represálias. A partir do feedback obtido, você poderá estruturar um plano de ação para melhorar o clima organizacional e a satisfação de seus colaboradores.

#2. Conquiste seus talentos desde o início de sua jornada

Quando se pensa em como reter talentos na empresa é comum lembrar de quem já está na casa há algum tempo. No entanto, para que esse processo seja realmente efetivo, as políticas de retenção devem abranger também quem acabou de ser recrutado para sua organização.

Para isso, é fundamental desenvolver um bom programa de onboarding – de integração organizacional. Sensibilize seus funcionários para que recebam bem os novos colegas, os ajudando nesses primeiros tempos a adaptarem-se à cultura da empresa. Faça também encontros periódicos para alinhamento e feedback desses novos talentos.

Tudo isso pode gerar resultados fantásticos: conforme estudo, um onboarding bem executado pode diminuir o turnover e fazer com que 69% dos novos colaboradores permaneçam na empresa por mais de três anos.

#3. Ofereça um plano de carreira

Quando um funcionário começa sua trajetória em uma empresa e conhece o caminho que pode percorrer dentro dessa organização, ele se sente mais motivado e valorizado, não estando tão suscetível a abandonar seu cargo.

O plano de carreira esclarece as competências necessárias para cada posição hierárquica e, ainda, qual é a expectativa da organização em relação à cada cargo. Assim, todos saberão o que é preciso para crescer na empresa e ter chances de conquistar outros cargos na organização. Essa é uma ótima dica de como reter talentos na empresa e mantê-los engajados.

#4. Tenha um cultura de feedback contínuo

Ao contrário do que muitos gestores pensam, os funcionários gostam de receber feedback. Ele é importante para saber que seu trabalho está sendo reconhecido, para conhecer seus pontos fortes e o que em sua conduta profissional deve ser ajustado.

Tudo isso é fundamental para reter seus talentos: de acordo com estudo, o feedback regular gera redução de 14,9% nas taxas de rotatividade nas empresas.

#5. Ofereça treinamentos

Nada como sentir-se valorizado pela empresa onde se trabalha, certo? E uma das ferramentas essenciais para isso é o treinamento. Por meio dele, seu funcionário se desenvolverá, executará melhor o seu trabalho e sentirá que a empresa está investindo e acreditando em seu potencial.


#6. Empodere seus funcionários

Executar um trabalho rotineiro, sempre igual, que não apresenta desafios. Essa é a chamada Síndrome de Sísifo, termo proveniente da mitologia grega. Sísifo foi condenado pelos deuses a empurrar uma pedra de uma montanha até seu topo pela eternidade. O problema é que a pedra sempre rolava para baixo, obrigando-o a, todo o dia, repetir sua tarefa, executando um trabalho sem sentido.

Por algum tempo, esse modelo trouxe resultados para as empresas. Hoje, ele já não é aderente. Todos queremos ver um sentido no nosso trabalho, ter chance de demonstrar nossas potencialidades e criatividade.

Assim, para reter seus talentos, é preciso empoderá-los, permitir que eles se expressem e contribuam, que novas e motivadoras tarefas sejam delegadas a eles e que eles tenham determinada autonomia para executar seu trabalho.

E então, pronto para fidelizar seus talentos e melhorar os resultados de sua organização? Tem alguma outra dica de como reter talentos na empresa? Deixe sua mensagem nos comentários e até a próxima!